Ciclo de palestras com Denis Bruza Molino

 

 

 

Goya
DENIS BRUZA MOLINO

 

Na Aurora do romantismo europeu, Francisco de Goya (1746- 1828) foi um artista versátil que sobressaiu em vários gêneros da pintura, bem como da gravura e do desenho. Como pintor de corte, cultivou com maestria a retratística, executando a efígie de três monarcas de Espanha. 


Como cronista, fez imagens das festas, touradas e vida cotidiana da península ibérica. Também carregou as tintas na sátira social e política atacando os vícios do clero, a ignorância de grande parte da nobreza, a barbárie da inquisição, os excessos da guerra e toda sorte de obscurantismo e estupidez; esses mesmos que, com trejeitos farsescos e ilegítimos, teimam em Terra brasilis.


Com efeito, estudaremos o percurso artístico de Goya, destacando o aspecto visionário de sua obra, com o qual o artista aragonês figura seres fantásticos e cenários tenebristas. Nisso ressaltam tanto as gravuras dos álbuns gráficos Los caprichos  (1799) e Los disparates (1815 - 1823) quanto as chamadas "pinturas negras" (1820-1824) da Quinta del Sordo.


Nas técnicas e nos temas, Goya prefigura estilos muito diversos como o de Manet, o dos simbolistas, como também o de expressionistas e surrealistas.


As palavras de Baudelaire sobre Goya em Quelques caricaturistes étrangers tem sentido oracular: “o grande mérito de Goya consiste em criar o monstruoso verossímil. Seus monstros nasceram viáveis, harmônicos. Ninguém ousou mais do que ele no sentido do absurdo possível. Todas as contorções, as faces bestiais, as caretas diabólicas são penetradas de humanidade. Mesmo do ponto de vista particular da história natural, seria difícil condená-los, pois há muita analogia e harmonia em todas as partes deles. Numa palavra, a linha de sutura, o ponto de junção entre o real e o imaginário é impossível de apreender, é uma fronteira vaga [...] muita arte, que é a um tempo transcendente e natural”.

Denis Bruza Molino é mestre em filosofia pela USP, com estudos em instituições estrangeiras; professor e curador assistente do MASP (2007 - 2014); historiador da arte e estudioso das letras helenísticas.


Dia 27 de outubro de 2016, às 19:30h.
Rua Isabel de Castela, 274 V.Madalena  SP 

Inscrições: contato@ateliepriscilamainieri.com.br ou (11) 3031-8727


Contribuição sugerida R$ 60,0



40 mm stainless rolex replica steel case, thickness 11.1 mm. After replica watches the double bezel is polished replica rolex and polished, it becomes even more sleek rolex uk and smooth.